Dia 8.2 – Monterey: O que Fazer em 18 Horas na Cidade?

Após passar por Half Moon Bay, Santa Cruz e diversas paisagens pelo caminho, finalmente chegamos em Monterey, às 16 horas. Direto para o hotel. Ou melhor, motel. Da rede Super 8.

Primeiro motel que ficamos, bem naquele estilo que vemos nos filmes, na beira da estrada, onde você deixa o carro na frente do quarto.

Só que esse aqui não era feio como nos filmes. Pelo contrário, é bem bonito e limpinho. Tem ar condicionado e TV a cabo. O quarto é bem grande, banheiro grande, inclusive com banheira, e até café está incluído na diária.

Nosso quarto
Nosso quarto

 

Motel Super 8
Motel Super 8

Ficamos só o tempo de largar as tralhas e descansar uma meia hora. Logo saímos, pois nosso período em Monterey seria bem curto. Acompanhe aqui o que fizemos na cidade em menos de um dia.

O objetivo era conhecer Monterey e também a vizinha Carmel, nesse curtíssimo espaço de tempo.

Sendo assim, demos uma rápida passada pelo centrinho de Monterey, algumas lojinhas e ficamos mais tempo na pracinha Lover’s Point.

dsc02245
Lover’s Point.

Vale a pena conhecer a região da rua Cannery Row, que está cheia de lojinhas e restaurantes, e mais adiante a praça Lover’s Point.

Monterey
Monterey

ATRAÇÕES EM MONTEREY

Monterey possui aproximadamente 28 mil habitantes e já foi a capital da Califórnia, entre os anos de 1777 e 1846, sob governos da Espanha e do México.

Entre as maiores atrações da cidade estão o Monterey Bay Aquarium (Aquário da Baia de Monterey), Fisherman’s Wharf, a Cannery Row e o Festival anual de Jazz.

Não visitamos o aquário pois já tínhamos visto um em Las Vegas. Mesmo sabendo que esse daqui era maior e com mais animais, sabíamos que para aproveitá-lo ao máximo são necessárias umas 4 horas, pelo menos. Como não tínhamos esse tempo, não encaramos.

Cannery Row é o nome da rua mais conhecida da cidade, com diversas lojas e restaurantes. Leva esse nome em homenagem a John Steinbeck e seu filme (Cannery Row) que conta a história da cultura pesqueira da cidade e das fábricas de enlatar sardinhas, que no passado já foram orgulho da região, devido à fama da cidade em relação à pesca. Isso mudou a partir de 1950 quando a pesca em excesso levou o negócio a um colapso.

Antiga fábrica de pescados em Monterey
Antiga fábrica de pescados em Monterey

Como já estava escurecendo e ainda queríamos passar pela 17 Mile Drive em direção à Carmel (veja no próximo post), não deu tempo para aproveitar mais a cidade de Monterey.